Uma nova radiodifusão de criptocorrência é lançada no FM 104.9 de Boston


 Lançamento de uma nova transmissão de rádio-criptografia no FM de Boston 104.9 "title =" Uma nova transmissão de criptocorrência é lançada no FM 104.9 de Boston "/> </a></div>
</p></div>
<p>                 Notícias<br />
              </p>
</p></div>
<p><b> Nos últimos seis meses, as criptomoedas têm entrado no mundo atual cada vez mais, sendo exibidas em outdoors, jornais, transmissões de rádio e programas de televisão. Agora, neste mês de julho, moradores da região da Nova Inglaterra poderão ouvir uma transmissão semanal de rádio chamada Cryptomania, cujo objetivo é educar as massas sobre os benefícios das criptomoedas e transmissões todos os sábados no sinal de rádio FM de Boston 104.9 </b></p>
<p><strong><em> também ler: 19659005] Trocas canadenses para relatar transações acima de $ 10k por regulamentos propostos </a></em></p>
<h2 style= New England Blockchain Group lança transmissão de rádio em Cryptomania em Boston 104.9

Residentes de Boston, New Hampshire e North Shore em breve poderão entrar em sintonia uma transmissão de rádio FM todos os sábados que contará com discussões sobre soluções bitcoin e cryptocurrency. Os ouvintes podem definir seus dials para o sinal de rádio FM 104.9 em julho, quando a organização New Hampshire Blockchain LLC (NEB) lançará seu primeiro programa “Cryptomania – Bitcoin & Beyond”.

O programa foi criado pelo fundador do NEB. Dana McIntyre, que também vai sediar o show com seu ajudante Jameson Rust. Os dois dizem que a transmissão contará com uma "explicação simples e humorista da tecnologia Bitcoin e Blockchain." A série pretende educar o público e mostrar-lhes como moedas criptografadas operam e detalha como é fácil para qualquer pessoa comprar uma pequena fração de bitcoin.

“Hospedar o primeiro programa semanal de rádio FM no Cryptos na América é uma verdadeira honra para nós e destaca nosso compromisso de trazer conteúdo relevante e de ponta para o público ouvinte e para o público mainstream”, declarou McIntyre .

 Lançamento de uma nova transmissão de criptocorrência no FM 104.9 de Boston
A criptomania vai ao ar todos os sábados às 9:30 EDT, a partir de julho, no FM 104,9 de Boston.

Todos os sábados dois milhões de residentes de North Shore podem sintonizar Em

o programa vai ao ar todos os sábados às 9:30 Eastern Standard e pode ser ouvido em outras áreas do mundo, sintonizando em Northshore1049.com. O show terá um grande público para atrair como o sinal de rádio FM 104,9 atinge áreas no sul de New Hampshire e Norte de Boston e Merrimack Valley regiões de Massachusetts, que representa uma população de mais de 2 milhões de habitantes.

O anúncio para o novo O programa de rádio em Boston segue outras transmissões principais anunciadas nos últimos meses. Por exemplo, news.Bitcoin.com relatou sobre o Youtuber Jason Appleton planejando lançar seu Crypto Crow Show em “CBS, CW e Roku para mais de 47 milhões de lares.” Outro exemplo é quando a rede pós-cabo Cheddar anunciou em março que transmitiria um show de trinta minutos sobre criptocorrências chamado Crypto Craze.

Os Bitcoiners certamente receberão a nova transmissão de rádio Cryptomania dedicada a ensinar as pessoas sobre bitcoin e cryptocurrencies em a região de Boston. No entanto, a próxima transmissão da organização do NEB em julho não é o primeiro programa semanal de rádio-criptografia FM nos EUA, já que o Crypto Show baseado em Austin foi ao ar na 89.1 FM há anos.

O que você acha de uma transmissão de rádio sobre bitcoin e outras criptomoedas transmitidas pela região de North Shore, na Nova Inglaterra? Deixe-nos saber o que você pensa sobre este assunto na seção de comentários abaixo.


Imagens via Shutterstock e 104.9 FM


Deseja obter uma lista abrangente das 500 principais criptomoedas e ver seus preços e a avaliação geral do mercado? Confira Satoshi Pulse para toda essa ação do mercado!

O que fazer em Boston: as principais dicas de viagem


Por Alexandre Monteiro

Uma mistura do moderno com o clássico: essa é a melhor definição de Boston, a capital do Massachusetts, nos Estados Unidos. Boston é uma cidade que está sempre acompanhando as mudanças do mundo e se apresenta como um destino jovem, ao mesmo tempo em que mantém o ar clássico que encanta muita gente. Não é à toa que é um dos destinos mais procurados pelos turistas brasileiros! Chegando lá, você terá uma surpresa com tanta coisa: a riqueza histórica, a variedade enorme de museus, a vida acadêmica, os restaurantes, parques, compras… Mesmo com tanta opção, a cidade tem um ar muito tranquilo. Tanto que lá, o turismo a pé tornou-se oficial: o Freedom Trail é um percurso criado em 1950 e que leva os visitantes a 16 atrações turísticas. Ficou curioso com tudo o que esta capital tem a oferecer? Então veja agora o que fazer em Boston com as dicas do Melhor Câmbio!

Freedom Trail

Se tem uma frase que você vai escutar muito em Boston, essa frase é “Siga a estrada de tijolos vermelhos”. Isso acontece graças a uma característica muito encantadora da cidade: para tornar a vida dos turistas mais fácil, Boston criou uma espécie de rota que leva os visitantes aos principais pontos referentes à Independência dos EUA e à Revolução Americana, que durou entre 1775 e 1783. E essa rota é marcada com tijolos vermelhos em alguns trechos. Um bloco de metal cravado no chão avisa os turistas quando chegaram em algum ponto importante. Tudo isso sem precisar de mapa. Legal, né? Para os que fazem questão de ter um guia, existem vários à disposição – todos vestidos como os personagens principais da época! A gente recomenda a visita com guia, para entender melhor como cada ponto foi importante na história. Os pontos de visita pela Freedom Trail são: Boston Common, Massachussetts State House, Park Street Church, Granary Burying Ground, King’s Chapel E King’s Chapel Burying Ground, Boston Latin School, Old Corner Bookstore, Old South Meeting House, Old State House, Boston Massacre Monument, Faneuil Hall, Paul Revere House, Old North Church, Copp’s Hill Burying Ground, Uss Constitution e Bunker Hill.

Boston Common

O ponto de partida da Freedom Trail é também o primeiro parque público de todos os Estados Unidos, inaugurado em 1634. O Boston Common, diferente dos outros pontos da trilha, não oferece apenas história. Os moradores da cidade amam visitar o parque para curtir o ar livre em meio ao centro da cidade. Também pudera: são 44 acres de área verde onde acontecem espetáculos de teatro, shows, artistas de rua e muito mais. No meio do parque, há o Frog Pond, que é uma área de lazer voltada para as crianças com atrações como uma piscina com chafariz, bem rasa para todas as crianças poderem brincar. No inverno, a piscina congela e se torna uma pista de patinação. A história por trás do parque é importante: o local servia de base para as tropas britânicas, que acampavam lá durante a luta para manter a colônia. O parque também já foi palco de discursos de Martin Luther King Jr. e até do papa João Paulo II.

o que fazer em boston

Universidade de Harvard

Localizada na cidade de Cambridge, que fica ao lado de Boston, está uma das universidades mais famosas do mundo inteiro. Harvard é tão bem falada que muita gente já se imaginou estudando lá algum dia. Não é à toa: é de lá que saíram várias mentes brilhantes, incluindo ganhadores de prêmios Nobel e presidentes americanos. Apesar de ficar em outra cidade, não é difícil nem longe: você pode chegar lá através do metrô e são apenas 12 minutos de viagem saindo do Boston Common. Impossível resistir a uma visita por lá desse jeito, né? A visita começa na Harvard Square, a praça que fica bem na frente dos portões. Lá, você encontra um quiosque com informações turísticas e que oferece tour guiado pelos próprios estudantes, que conhecem a universidade como a palma da mão. Prepare-se porque o tour é bem corrido! Não há muito tempo para fazer perguntas ou tirar fotos. Por isso, a gente recomenda que você guarde os lugares que mais gostou para visitar de novo depois que a tour acabar. Durante o tour, você vai conhecer o Massachusetts Hall (o prédio mais antigo do campus, erguido em 1720); o Johnston Gate, portão oficial de entrada; o Harvard Hall, onde está o primeiro laboratório de física construído nos Estados Unidos; os dormitórios onde importantes personalidades ficaram hospedadas; a Widener Library, que é a maior biblioteca acadêmica de todo o mundo; e a estátua de Harvard, que segundo a lenda, dá sorte para quem passa a mão no pé desgastado. O tour completo tem 1h30 de duração.

o que fazer em boston

Quincy Market

O Quincy Market faz parte de um dos pontos do Freedom Trail, o Faneuil Hall Marketplace, e é um verdadeiro paraíso para quem gosta de experiências gastronômicas. O prédio foi erguido em 1826 e abriga vários comércios pequenos que oferecem todos os tipos de iguaria: de pizza e lanches até pata de caranguejo. Chegue lá de barriga vazia para experimentar um pouco de tudo! Vá percorrendo os corredores e conhecendo cada banca. Mas cuidado com o movimento: o mercado geralmente fica lotado e é muito fácil alguém esbarrar em você enquanto dá uma olhada nas opções. Se quiser um pouco mais de calma, faça a visita em um dia de semana. Entre as comidas de maior sucesso, estão os sanduíches de lagosta, os cookies, sorvetes italianos e saladas gregas. De dar água na boca! E do lado de fora, a atração principal são os artistas de rua e as apresentações circenses que divertem quem passa por lá.

o que fazer em boston

Skywalk Observatory

Do alto do Prudential Center, uma vista de Boston que é de tirar o fôlego. No 50º andar do prédio, está o Skywalk Observatory, um mirante que é todo fechado por várias janelas de vidro. Os visitantes podem circular por todo o local e ficar lá pelo tempo que quiserem para aproveitar a vista. No meio da sala, está o Dreams of Freedom Museum, que resgata a chegada de todos os imigrantes em Boston. Para quem quiser algo a mais, suba até o 52º andar e tome um drink no Top of the Hub, um restaurante onde você pode curtir o passeio com um jantar delicioso e uma vista incrível.

o que fazer em boston

E aí, gostou das dicas sobre o que fazer em Boston? Então acesse agora o Melhor Câmbio para começar a organizar sua viagem e pesquisar sobre o dólar na ferramenta Dólar Hoje.

Referências: Melhores Destinos | Segredos de Viagem

Imagens: Visualhunt